Programação

  • Programa Institucional Lideranças do Futuro

    ddd

    Em 2002, foi criada a Escola Judiciária Eleitoral do Tribunal Superior Eleitoral (EJE/TSE). O seu primeiro grande projeto de impacto externo foi o “Eleitor do Futuro”, cuja ideia era promover valores republicanos entre crianças, jovens e adolescentes de forma que, no futuro, um grupo maior de cidadãos pudesse estar qualificado como eleitores conscientes. Passados quinze anos, as Escolas Judiciárias dos Tribunais Regionais levaram a experiência à milhares de crianças, jovens e adolescentes.

    Apesar do enorme sucesso do projeto, o contexto político e social do Brasil sugere maior audácia e novas iniciativas: o Brasil reclama por lideranças, exigindo-se o início da construção de uma renovada modelagem das práticas políticas.

    A política transcende a gestão da esfera pública. Ela não está apenas no Congresso Nacional e nos cargos executivos de diversos níveis. Longe dos grandes centros do poder também se faz política: se faz política no trânsito; age-se politicamente no condomínio e na escola; constrói-se politização no sindicato, na igreja, na rua e no clube.

    O que se revela, portanto, é que o exercício pleno da cidadania: (a) transcende ao agir na política partidária e (b) exige alguns rudimentos de conhecimento pré-elaborado, como a noção de bem comum, de coletividade, de diálogo e de trato republicano das coisas e das pessoas.

    A missão da Justiça Eleitoral é garantir a legitimidade do processo eleitoral e o livre exercício do direito de votar e de ser votado, a fim de fortalecer a democracia. O exercício de tão nobre função só pode ser alcançada por meio do exercício da boa política, que nasce e depende de cada cidadão, de cada comunidade e da articulação de muitos setores da sociedade: ela se expressa nas rotinas do cotidiano.

    Daí a iniciativa do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul, por meio de sua Escola Judiciária, de realizar o programa institucional “Lideranças do Futuro”.

    • Documentação relacionada ao programa